As 8 principais diferenças entre o e-commerce B2C e B2B

9/122

Você já se perguntou como cada modelo de negócio requer uma arquitetura e um conjunto de funcionalidades diferentes? Um site é o primeiro ponto de contato dos consumidores, por isso deve ser projetado para que o comprador possa entender facilmente o modelo de negócio. 

É por isso que é importante adaptar o seu site ao modelo de negócio escolhido. Isso certamente afetará suas vendas e a experiência oferecida aos clientes.

Antes de avaliarmos como as operações de comércio B2C e B2B se diferenciam, vamos começar pelas definições dos modelos de negócio:

  • B2B refere-se a “business-to-business”.
    É um modelo de negócios focado na venda de produtos ou serviços para outras empresas, pois possuem funcionalidades como login do usuário, criação de formulários, tabelas de preços etc. 
  • B2C refere-se a “business-to-consumer”.
    É um modelo de negócios focado na venda de produtos ou serviços para o consumidor final, e possuem funcionalidades como retirada na loja, ship-from-store, social selling etc. 

Agora que estamos todos na mesma página, vamos comparar os aspectos centrais de qualquer negócio. 

1.   Homepages

Uma homepage B2B é geralmente simples, com pouca poluição visual. Além disso, para passar da homepage, pode ser que você precise fazer o login de acordo com os detalhes da conta pré-cadastrada. 

Em comparação, uma homepage B2C é geralmente mais atrativa e disponível. Descontos e ofertas especiais ocupam muito espaço, com banners chamativos disputando sua atenção e, muitas vezes, um menu de navegação com inúmeras categorias e subcategorias.

2.  Processo de checkout

Os métodos necessários para realizar uma transação em um negócio B2C são simples. O consumidor adiciona o produto ao carrinho, verifica o endereço de entrega, conclui o pedido com sucesso. 

Por outro lado, o processo de checkout para B2B pode exigir um cadastro antecipado e suporte humano disponível a qualquer momento.

3.  Métodos de envio

O tamanho dos pedidos para B2B é maior, tornando a entrega no mesmo dia quase impossível. Normalmente, existem quatro opções principais de entrega B2B: transporte dedicado (FTL), transporte fracionado (LTL), retirada no armazém e entrega padrão. 

Como o pedido B2C é muito menor, ele se enquadra nas opções de entrega padrão e amplamente disponíveis. Os comerciantes muitas vezes integram métodos como entrega no mesmo dia, entrega de um dia, entrega agendada e retirada na loja.

4.  Métodos de pagamento

Uma empresa B2B geralmente adotará métodos de pagamento especializados. Devido aos pedidos de alto valor, a segurança é sempre a maior prioridade. As opções de pagamento incluem: pagamento no crédito, cheques, cartão de crédito e boleto. 

Comparativamente, no ecommerce B2C, os clientes precisam de um método de pagamento rápido. As opções incluem cartões de crédito e débito, carteiras digitais como Apple Pay, Google Pay e Samsung Pay e parcelamento.

5.  Necessidades dos clientes

Os clientes B2B têm a necessidade de consultar vários departamentos antes de fechar um negócio, enquanto os consumidores B2C, não. Isto torna o processo de decisão de compra mais curto no B2C, em que os consumidores são os únicos responsáveis pela compra.

6.  Comportamento do consumidor

De acordo com o ponto anterior, os consumidores B2B olham para o longo prazo, o que significa que eles gastam mais tempo pesquisando.

Já o cliente B2C, é mais propenso à compra por impulso graças ao call to action e disclaimers atraentes como “Restam apenas 2 itens” ou “Esta promoção se encerrará em 10 minutos”. 

7.  Ciclo de vida do cliente

Os clientes B2B são geralmente compradores recorrentes, por isso as empresas têm que considerar um ciclo de vida mais longo e encontrar maneiras de fazer com que os pedidos futuros também sejam feitos perfeitamente.

Os consumidores B2C geralmente só farão um pedido uma vez, a menos que você crie um programa de fidelidade, de assinatura ou ofereça uma boa experiência de compra na primeira vez que o cliente navegar no seu site. 

8.  Preços

No comércio, os preços B2C são quase sempre consistentes, independente de quem compra, além de existirem cupons ou ofertas personalizadas. 

Porém, as empresas B2B têm tabelas de preços diferentes, nas quais os preços diminuem de acordo com o comprador e o tamanho da compra.

É claro que estes pilares de comparação não englobam tudo o que envolve um negócio online, certo?

Por que não ter os dois?

Vimos vários aspectos distintos do ecommerce B2B para B2C, o que talvez o faça pensar que um é melhor que o outro. Mas por que não ter os dois? Várias marcas têm tanto sites B2B quanto B2C e há muitos benefícios em gerenciá-los em uma única plataforma de ecommerce, como muitos dos nossos clientes VTEX já fazem. 

Se você quiser saber mais, fale com a Imediata agora mesmo.
Te ajudamos nessa etapa e na melhor implementação!

Venha conhecer a ImediataDesign

Apaixonados por experiência de compras, buscamos levar você a outro nível de resultado, ofertando valor com aumento de performance, pivotagem, estratégias e melhoria contínua.

Somos uma Consultoria de Marketing Digital Reseller and Project VTEX com foco em Implementação de E-commerce & Marketplace e auxiliamos na construção de marcas que buscam alavancar seus ativos.

Acesse: imediatadesign.com
Fale Conosco: hello@imediatadesign.com

Write Comment...

Name

Email